Praça Camacã

Praça Camacã

Por: Aldacy Reis

Minha praça querida
quando te vejo exuberante,
coração da cidade
relembro as tropas
trazendo os frutos do cacau
outrora de ouro
para os armazéns.

Ainda ouço as gargalhadas,
as piadas eufóricas de Picolino,
no circo Nerino.

Lembro ainda das grandes touradas do Pelanca
os babas das turmas de Rui Barbosa,
Rua da Mangabeira, Paulino Vieira…

Crianças alegres e felizes
brincavam com você.

Hoje, majestosa,
abriga em suas entranhas crianças de rua
que habitam em seus gramados
tomam banho no seu “lago”
cheiram cola, assaltam
um preço alto do progresso.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *